Publicado em 7/14/2010 6:19:25 PM

Moradias Corbélia oferece vida nova para 200 famílias

Eles deixaram a beira do rio Barigui para viver em casas de alvenaria construídas pela Cohab

O empreendimento Moradias Corbélia, localizado no bairro São Miguel, está mudando a realidade de famílias que viviam em 12 ocupações irregulares nas margens do rio Barigui. De um total de 555 unidades habitacionais previstas no projeto, a Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) já entregou 200. “A Prefeitura está possibilitando que estas famílias vivam de maneira digna, em casas de alvenaria e longe da beira do rio”, afirma o prefeito Luciano Ducci.

Elenice Maciel morava com o marido e um casal de filhos pequenos em uma casa de pouca estrutura, localizada em um pequeno morro nas margens do rio Barigui, na chamada Vila Bom Menino. O marido, Marcos Amaral, trabalha como pedreiro autônomo e ela, além de ser catadora de papel faz artesanato em crochê, que vende de porta em porta.

No último dia 8, a família se mudou para a casa nova no Moradias Corbélia. A dura rotina de morar na beira do rio chegou ao fim, para felicidade de Elenice. “Já começamos a levar uma vida melhor, a começar pela limpeza. Poder ter a casa limpa é algo que a gente nem podia pensar, pois quanto mais se limpava, mais sujeira aparecia”, conta ela. “Aos poucos nós vamos melhorando a casa, primeiro vamos arrumar o piso”, diz o marido.

O casal Daniel Félix e Adriane Batista vivia em um pequeno barraco na Vila Bom Menino com os cinco filhos. Mudaram para o Moradias Corbélia em março, quando começaram uma nova vida. “Nós estamos todos adorando. Aqui é protegido, sem perigo de enchente. Já passamos por tanta situação ruim que não gosto nem de lembrar”, diz ela.

O marido, catador de papel, aos poucos vai mobiliando a casa nova. “Lá embaixo (beira do rio) não tínhamos nada, porque além do pouco espaço, toda vez que chovia estragava tudo. Agora podemos ir comprando nossos móveis”, conta animado.

Maria Zenita Cruz da Costa, 44 anos, vivia com três filhas e um filho em uma casa de madeira na beira do rio Barigui, na Vila Nova Barigui. O rapaz é o único que trabalha. “Lá eram vários os problemas, enchentes, mau cheiro, os ratos, muita sujeira. Não víamos a hora de sair”, diz. No último dia 30, a família fez a mudança. “Aqui a realidade é outra, tem asfalto, não faz frio dentro de casa. Estamos muito contentes”, afirma.

 

O empreendimento

As 200 unidades habitacionais entregues fazem parte de um conjunto de 517 casas e 38 sobrados que integram o projeto do Moradias Corbélia, localizado em um terreno de 192 mil metros quadrados, na mesma área que abrigava o Clube Literário do Portão.

O empreendimento foi criado para receber famílias de 12 áreas irregulares da margem do rio Barigui e integra o programa de revitalização do rio, o “Viva Barigui”, que está sendo conduzido pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente. Após a saída de todas as famílias, a margem do rio Barigui será recuperada e, para impedir uma nova ocupação, ganhará ciclovia, canchas esportivas e equipamentos de recreação.

 

Infraestrutura

Além das casas e sobrados construídos, os moradores reassentados podem contar com redes de água e esgoto, energia elétrica, iluminação pública e ruas pavimentadas. Como o empreendimento ocupa a mesma área que serviu de sede campestre para um clube, o local conta com uma infraestrutura esportiva que foi preservada e, depois, servirá à comunidade.

O loteamento terá também uma escola e um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), que estão em obras, e receberá ainda uma unidade de atendimento da Fundação de Ação Social (FAS). Toda a obra incluindo terreno, infraestrutura, construção das casas e equipamentos representa investimentos de R$ 32,3 milhões de recursos oriundos da Prefeitura e do governo federal.
 

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera