Publicado em 8/27/2010 5:30:58 PM

Secretarias trabalham integradas para atender população carente

Projetos sociais coordenados pela Cohab atuam em todas as regionais da cidade

A Prefeitura Municipal de Curitiba vem atuando de forma intersetorial no processo de reassentamento de famílias que deixam áreas de risco para viverem em casas construídas pela Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab). Diferentes secretarias trabalham em conjunto para garantir o êxito da realocação dos moradores.

“As comunidades que saem de ocupações irregulares e recebem casas novas de alvenaria possuem diversas outras necessidades que não se resumem a falta de moradia digna. Daí a importância do trabalho integrado para atender estas pessoas. Para que ao final do processo elas estejam totalmente inseridas na sociedade”, diz o prefeito Luciano Ducci.

Trabalhar de maneira integrada é a principal diretriz dos Projetos de Trabalho Técnico Social (PTTS) coordenados pela Cohab nas nove Administrações Regionais da cidade. A atuação conjunta começa desde a elaboração do projeto, quando são definidas as atividades a serem realizadas por cada secretaria, na comunidade em questão.

Ao todo são 25 projetos que contemplam 61 áreas espalhadas pela cidade, com benefícios para 13 mil famílias. “Os moradores saem de situações de risco social e recebem, além de moradia segura, uma série de serviços que elevam a qualidade de vida e ajudam na adaptação à nova realidade que passam a viver”, explica o presidente da Cohab, João Elias de Oliveira.

Entre os 25 Projetos de Trabalho Técnico Social desenvolvidos, a maioria atende ocupações irregulares, porém dois deles são destinados a famílias de baixa renda inscritas na chamada fila da Cohab: o Moradias Itaqui e Moradias Monteiro Lobato, ambos no Tatuquara. “São empreendimentos em que os moradores também carecem de acompanhamento social”, explica João Elias.

Atividades
A Cohab coordena os PTTS e é responsável pela intervenção física nas áreas, além de toda a articulação com as demais secretarias envolvidas. Realiza o primeiro contato com as lideranças comunitárias para apresentar a intervenção e faz o mapeamento e cadastramento das famílias que serão atendidas.
Em seguida executa visitas domiciliares, faz reuniões comunitárias e plantões semanais para esclarecer dúvidas. Também fica a cargo da Cohab a organização da mudança das famílias.

A Fundação de Ação Social (FAS) oferece toda a estrutura de serviços e programas do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e apresenta como incremento a oferta de cursos de capacitação profissional e geração de renda nas comunidades, para possibilitar aos moradores melhores condições de sustentar suas famílias após receberem a casa nova.

Incluir as famílias em ações esportivas e recreativas é o papel da Secretaria de Esporte e Lazer, que oferece atividades para terceira idade e também escolinhas de futebol e capoeira para crianças e adolescentes. Já a Fundação Cultural é responsável por inserir arte e cultura na vida dos moradores. Para tal, exibe filmes nos bairros, promove apresentações de teatro, música e dança, oficinas de pintura, hip hop, coral e outras.

Meio Ambiente
O componente ambiental está presente em todos os projetos. A Secretaria do Meio Ambiente incentiva a participação comunitária em mutirões de limpeza, plantio de árvores para recompor a mata ciliar, e palestras para a formação de jovens agentes multiplicadores, que possam transmitir o conhecimento adquirido para o restante da comunidade.

Um trabalho especial é feito com os coletores de material reciclável, que são capacitados para realizar a adequada coleta, separação, organização e destino dos materiais, além de receberem orientações sobre saúde no trabalho.

Reinserção
Muitas vezes, a família deixa a ocupação irregular que situa-se em uma regional e muda para a casa nova que fica em outra regional. Portanto, os equipamentos públicos que irão atende-los serão outros. As secretarias de Saúde e Educação acompanham as realocações para reinserir os cidadãos nas unidades de saúde, CMEIs e  escolas da região  para onde se mudaram, além de incentivar a participação nos cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Acompanhamento que também faz a Secretaria do Abastecimento para cadastrar os moradores no Armazém da Família mais próximo, onde são comercializados produtos alimentícios e de higiene por valores 30% mais baixos que no mercado formal. Também oferece oficinas de economia doméstica e aproveitamento total dos alimentos, além de fomentar a troca de resíduos recicláveis por hortifrutigranjeiros, o “Câmbio Verde”, em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente.

A Secretaria de Defesa Social faz rondas e ajuda na segurança, monitorando áreas públicas para evitar novas ocupações. A Secretaria de Trabalho e Renda emite carteiras de trabalho para a comunidade e faz encaminhamentos de jovens para o primeiro emprego.

“Quanto maior a interação entre as secretarias nas ações propostas pela COHAB, melhores são os resultados das políticas públicas em favor da população”, afirma Luciano Ducci.
 

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera