Publicado em 1/6/2012 3:51:01 PM

Cohab atua como correspondente bancário da Caixa

A atividade contribui para agilizar os processos de financiamento do programa Minha Casa, Minha Vida

Desde meados do ano passado, a Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) acrescentou uma nova atividade às suas atribuições como executora da política habitacional do município. A Companhia atua como correspondente bancário da Caixa Econômica Federal nos projetos financiados com recursos do programa Minha Casa, Minha Vida destinados à clientela com renda entre R$ 1.600 e R$ 3.100.

“A participação mais ativa da Cohab no processo de contratação de financiamento junto às famílias beneficiadas com as unidades contribui para agilizar o andamento dos projetos destinados à faixa de interesse social”, diz o diretor de fomento habitacional da Companhia, Gueber Laux.

As famílias com renda entre R$ 1.600 e R$ 3.100 constituem a chamada “faixa 2” do programa Minha Casa, Minha Vida. Os empreendimentos destinados a este público contam com benefícios ficais e construtivos oferecidos pela Prefeitura, como isenção de impostos municipais durante a fase de obras e autorização não onerosa para acréscimo de área construída.

A Cohab, dentro da estrutura montada em Curitiba para funcionamento do MCMV na área de interesse social, vinha cumprindo o papel de organizador da demanda desde que foi lançado o programa federal de habitação, em 2009. Cabia à Companhia direcionar as famílias inscritas em seu cadastro de pretendentes a imóveis para aquisição das unidades nos empreendimentos.

A partir de março do ano passado, a Cohab passou a atuar como correspondente bancário da Caixa, que é o agente operador do programa em todo o país. Nesta função, a Companhia está autorizada a realizar todas as operações de suporte à comercialização de unidades habitacionais.
No início, a Companhia não estava presente em todas as etapas do processo de comercialização, mas a partir de julho do ano passado passou a trabalhar como correspondente bancário pleno, com conexão on-line com a Caixa. Com isso, a Cohab passou a fazer o atendimento integral da chamada faixa 2 do MCMV na fase de comercialização das unidades, que corresponde à etapa de execução de obras.

Na planta - Na faixa 2 do programa federal de habitação, os empreendimentos são vendidos quando ainda estão em projeto (ou na planta, conforme o termo utilizado no mercado imobiliário), antes do início da obra. A Cohab, como correspondente bancário da Caixa, atua já nesta etapa, identificando a demanda para ocupação das unidades e fazendo a convocação dos inscritos (pela ordem cronológica de inscrição)  para oferta do empreendimento.

Para isso, são selecionadas famílias que se enquadram no perfil do MCMV, principalmente no item relativo à renda, que não pode exceder os limites do programa, já que ele prevê a concessão de subsídios para aquisição das unidades. As famílias selecionadas participam de reuniões informativas e aquelas com interesse no financiamento têm atendimento direcionado para esta finalidade.

Hoje, a Cohab tem um setor com seis funcionários que executam as tarefas previstas nas atribuições de um correspondente bancário da Caixa. Entre estas tarefas estão a inclusão das famílias nos cadastros do governo federal; coleta e conferência da documentação; entrevistas com os candidatos a imóveis; análise de crédito e convocação das famílias com cadastros aprovados para escolha de unidades nos empreendimentos.

Ao final do processo, ainda na fase de obras, ocorre a assinatura dos contratos de financiamento. A partir daí, a família passa a ser mutuaria da Caixa, que faz a gestão dos contratos.

Desde que a Cohab passou a atuar como correspondente bancário da Caixa foram assinados 1.742 contratos. Isso equivale a cerca de 70% das unidades que estão em obras em Curitiba em função da parceria firmada entre a Caixa e a Prefeitura para implantação do programa MCMV na faixa de interesse social.

Os outros 30% dos contratos foram assinados antes da autorização dada à Cohab para atuar como correspondente bancário. Atualmente, estão em construção na cidade 2.576 unidades do programa Minha Casa, Minha Vida destinados a famílias com renda entre R$ 1.600 e R$ 3.100. A previsão é que a maior parte destas unidades seja entregue ao longo deste ano.
 

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera