Publicado em 1/24/2012 3:58:01 PM

514 famílias assinam escrituras de seus lotes

Conquista oficializa os moradores como proprietários dos locais onde vivem

Moradores que deixaram áreas de risco nos últimos anos e foram reassentados em empreendimentos construídos pela Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) estiveram na sede da companhia para assinar as escrituras de seus lotes. Desde a semana passada até esta terça-feira (24), 514 famílias, que residem em 30 diferentes áreas da cidade, compareceram para regularizar suas situações.

“São empreendimentos entregues nos últimos anos, mas que por questões burocráticas ainda não haviam sido regularizados e registrados junto ao município. Vencida esta etapa, convocamos as famílias para assinar o documento que lhes garante a propriedade do terreno”, explica o presidente da Cohab, Ibson Campos.

Também assinaram escrituras moradores de áreas que fazem parte do plano municipal de regularização fundiária. “São locais que surgiram como ocupações irregulares, cresceram e se consolidaram, mas as famílias ainda não possuíam os títulos dos lotes. Após cadastrar as famílias, elaborar a planta de loteamento e aprová-la junto ao município, os moradores são chamados para assinar as escrituras”, diz o secretário municipal de habitação, Osmar Bertoldi.

Entre os conjuntos construídos para reassentamento e agora regularizados estão o Novo Horizonte, no Sítio Cercado; Aquarela, no Augusta; Laguna e Monteiro Lobato, no Tatuquara; e Atobá, no Cajuru. Já entre as vilas enquadradas no processo de regularização fundiária estão a Vila Ulisses Guimarães, Vila Yasmin, Vila União Ferroviária, Vila Dom Bosco e outras.

Segurança
O servente de pedreiro Luiz de Oliveira, 39 anos, reside há três no Moradias Aquarela, localizado no bairro Augusta, na Regional CIC. Lá ele foi reassentado, depois de sofrer durante seis anos em uma casa precária de ocupação irregular na beira do rio Barigui. Após assinar a escritura de seu terreno, a sensação é de vitória. “Eu me sinto um vencedor. Depois de tudo o que eu passei na vida, agora tenho uma casa no meu nome. Isto ninguém vai me tirar”, afirma.

A dona de casa Maria Aparecida de Jesus, 48 anos, vive no Moradias Novo Horizonte desde 2003, com os três filhos homens. Feliz pela conquista, ela afirma que não troca o lugar onde mora. “Adoro viver lá, tem tudo que minha família precisa, linhas de ônibus, unidade de saúde, creche, escola. Melhor ainda agora, que podemos ter certeza de que é nosso. Isso nos dá muita segurança”, destaca.

O Moradias Novo Horizonte foi construído no Sítio Cercado para receber famílias que viviam em situação de risco na ocupação irregular conhecida como Xapinhal. Ocupado no ano de 2003, foi finalmente regularizado após um longo processo de desapropriação.

É lá que vive também o casal Adão Manoel de Morais, 58 anos, e Jacira Maria de Jesus, 47, com o filho Gilmar e a a nora Thaís. “Estamos contentes em conseguir o documento do nosso terreno. É uma garantia que temos, pois se um dia a gente faltar, nosso filho vai ter um lugar para viver com sua família”, conclui Jacira.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera