Publicado em 2/11/2012 12:29:27 PM

Famílias da fila da Cohab preparam mudança para Residencial na CIC

Elas se reuniram neste sábado para fazer a instalação do condomínio dos apartamentos onde vão morar

Os futuros moradores do Residencial Cerro Azul,  empreendimento do programa habitacional do município que está em fase final de obras no bairro Cidade Industrial, participaram neste sábado (11) de evento no Salão de Atos do Parque Barigui. O encontro  marcou a instalação do condomínio dos 288 apartamentos que formam o Residencial.

A reunião teve a presença do prefeito Luciano Ducci, do secretário municipal de Habitação, Osmar Bertoldi, e do presidente da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), Ibson Campos.

“Este é o primeiro encontro de uma nova vizinhança. A partir de agora, vocês farão parte de uma mesma comunidade e vão caminhar juntos em busca de melhorias para todos.  A casa própria é uma grande conquista e com ela vocês ganham uma nova condição na cidade e também um patrimônio para suas famílias”, disse o prefeito.

Ele lembrou que o programa habitacional do município não se limita a garantir às famílias o acesso à moradia e prevê atendimento integral. “Junto com a casa, estão também os equipamentos. No caso do Cerro Azul, os moradores terão nas proximidades a creche Aquarela e o Clube da Gente CIC, que estão em construção”, falou.

Exigência legal - A instalação do condomínio é uma formalidade legal, que antecede a entrega das unidades às famílias. É uma exigência da legislação para a averbação e registro em cartório do Residencial e faz parte da etapa de legalização do empreendimento.

“Este é um processo onde os futuros moradores têm participação ativa e definem como será a convivência em comunidade daqui para frente”, explica o secretário Bertoldi. A previsão é que a entrega de unidades ocorra nos próximos 60 dias.

O empreendimentos Cerro Azul está sendo construído na CIC, na rua Lodovico Kaminski esquina com Rua Anna Kinelska. A obra tem financiamento do programa Minha Casa, Minha Vida e é resultado de parceria entre o município e a Caixa Econômica Federal. O investimento é de R$ 17,2 milhões.

Os apartamentos foram comercializados entre famílias inscritas na fila da Cohab, com renda entre R$ 1.395 e R$ 2.790. A comercialização ocorreu ainda na fase do projeto, ou “na planta” como este tipo de operação é conhecido no mercado imobiliário.

As unidades do Residencial têm dois quartos e custo entre R$ 59 e R$ 60 mil. Para aquisição, as famílias assinaram contrato de financiamento com a Caixa Econômica Federal e tiveram subsídio de até R$ 17 mil – valor abatido do preço final. O desconto variou em função da renda de cada um – quanto menor o rendimento, maior o abatimento. A prestação ficará em torno de R$ 350, mensais.

Economia – Por isso, muitas famílias, como a de Maria Gorete Batista, estão ansiosas pela mudança. Ela trabalha como manicure e diarista e mora em uma casa alugada com o marido Aldemir da Faria Batista, e dois filhos, Gabriel, de oito anos, e Isabela, de oito meses. O aluguel consome R$ 600 do orçamento familiar a cada mês. “É um dinheiro sem retorno. Com a casa própria, estaremos pagando pelo que será nosso para o resto da vida. Estou contando os dias que faltam para a entrega das chaves”, falou.

A mesma ansiedade toma conta de Franciele Paula Xavier da Silva. Casada com Eder, ela mora há seis anos na casa da sogra e tem uma resposta pronta quando perguntada sobre o significado do apartamento do Residencial Cerro Azul. “É a minha liberdade. Vou concretizar o grande sonho da minha vida”, diz.

A casa onde Franciele está morando fica próxima ao Residencial e ela conta que acompanhou passo a passo as obras. “Fotografei todas as etapas da construção e, agora, não vejo a hora de mudar”, diz. A mudança está sendo planejada com cuidado. “Comprei móveis novos e quero dar uma melhorada no apartamento, caprichando na decoração. A minha casa nova terá a minha cara”, promete.

Obras - O MCMV está sendo implantado em Curitiba por meio de parceria entre a Prefeitura, Cohab e Caixa Econômica. A Caixa libera os recursos e administra a obra; a Prefeitura concede incentivos fiscais e construtivos para as empresas que atuam na faixa de interesse social; a Cohab identifica a demanda e faz a comercialização das unidades.

“É uma forma de atuação que vem dando bons resultados”, disse o presidente da Cohab. segundo ele, desde o lançamento do programa em 2009, já foram entregues em Curitiba 1.048  unidades habitacionais e há mais 6.317 (incluindo as 288 do Residencial Cerro Azul) em obras.

A reunião para instalação do condomínio no Salão de Atos do Parque Barigui teve dois momentos. O prefeito esteve presente na primeira parte, fazendo a saudação aos futuros moradores e, depois, ocorreu a parte formal de constituição do condomínio, só com as famílias.

Acompanharam o prefeito os vereadores Zezinho do Sabará, Jair César, João do Suco, Serginho do Posto, Roberto Hinça e Luiz Felipe Braga Cortes, além do administrador regional da CIC, Dirceu de Matos.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera