Publicado em 5/4/2012 9:55:25 AM

Prefeito autoriza construção de casas para famílias da Vila Leão

As unidades do Moradias Ilha do Sol serão destinadas a reassentamento de famílias que vivem em situação de risco na beira do rio Formosa

O prefeito Luciano Ducci assinou nesta quinta-feira (3) ordem de serviço para construção de 24 casas do Moradias Ilha do Sol, na CIC. O empreendimento será destinado ao reassentamento de famílias da Vila Leão, área de ocupação irregular localizada no Novo Mundo.

A assinatura ocorreu durante evento de entrega de títulos de propriedade para 39 famílias da Vila, em evento que contou com a presença dos presidentes da Cohab, Ibson Campos, e da Cohapar, Mounir Chaowiche, do administrador regional do Portão, Gilberto Bedin, além do vereador Celso Torquato.

“A ação do programa habitacional do município está transformando a Vila Leão, que deixa de ser uma favela para se integrar à cidade formal. Além disso, as famílias que viviam em situação de risco estão deixando a condição de precariedade e insegurança e recebendo moradia digna para o resto de suas vidas”, disse o prefeito.

A Vila Leão é uma ocupação antiga, com mais de 30 anos, que integra um conjunto de áreas irregulares que se formou ao longo do rio Formosa. O chamado “bolsão Formosa” está sendo urbanizado pela Prefeitura, com obras de melhoria de infraestrutura, recuperação ambiental e construção de casas para reassentamento de moradores que estão na margem do rio. “A atuação da Cohab vai mudar a cara destas Vilas e dar uma nova condição de vida às famílias”, disse o presidente da Companhia, Ibson Campos.

A área onde se formou a Vila era propriedade do governo do estado e começou a ser regularizada em 1998, em função de um convênio assinado entre a Cohab e Cohapar. Uma parte dos moradores recebeu, há 10 anos, títulos de propriedade e restavam 39 famílias que ainda não tinham documentos dos lotes onde moram.

Com as escrituras liberadas nesta quinta-feira, a totalidade dos moradores da Vila Leão passa à condição de proprietária dos terrenos onde foram construídas as casas. “É uma conquista para toda a comunidade”, disse o presidente da associação comunitária da área, Jaime João de Oliveira. “O documento significa acesso à cidadania”, falou o presidente da Cohapar, Mounir Chaowiche.

Para a dona de casa Renata Melo, de 74 anos, moradora há 35 anos da Vila Leão, a entrega da escritura pôs fim a uma longa espera. “Há muito tempo eu aguardava este documento. É o dia mais feliz da minha vida. Agora, tenho segurança para investir na melhoria do meu imóvel”, disse ela que mora com o filho de 32 anos, portador de necessidades especiais.

Reassentamento – Além da regularização da área, a Cohab vem atuando na Vila para melhorar a condição de moradia das famílias da margem do rio. O cadastro realizado pelo serviço social da Companhia no local detectou a existência de 110 casas na faixa de preservação do rio.

Parte das famílias que estavam nesta situação já saiu do local. 78 famílias foram transferidas nos últimos dois anos para os empreendimentos Ferrovila Minas Gerais e Arroio e outras 32 serão reassentadas este ano.

Uma das áreas de reassentamento reservada às famílias é o Moradias Ilha do Sol, que será construído na rua Antonio Ribeiro Batista, na CIC. A ordem de serviço assinada nesta quinta-feira pelo prefeito prevê investimento de R$ 784,5 mil para a construção de 24 casas.

A outra área que irá receber moradores da Vila Leão será o Moradias Arroio. Ali, serão construídas mais 110 casas (para abrigar também famílias de outras cinco vilas do chamado bolsão Formosa) e um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI). Estas obras, que somam R$ 7,6 milhões serão licitadas em breve, segundo anúncio feito pelo prefeito no evento de titulação da Vila Leão.

Após a saída de todas as famílias da margem do rio, será feita a recuperação ambiental da faixa de preservação que acompanha o curso de água e que havia ficado comprometida pela ocupação indevida. Esta obra, com um custo de R$ 399,3 mil, também será licitada nos próximos meses.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera