Publicado em 7/13/2012 4:19:55 PM

    Conjunto da Cohab vai ter gás natural

    Melhoria beneficia 768 famílias que vão morar nos Residenciais Parque Iguaçu I e II, no bairro Ganchinho

    Dois conjuntos construídos pela Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) no bairro Ganchinho serão abastecidos com gás natural, para uso residencial em substituição ao habitual gás de cozinha. Os 768 apartamentos dos residenciais Parque Iguaçu I e II serão entregues até o final do ano para famílias com renda entre R$ 931 e R$ 1.395, inscritas na fila da Cohab.

    “Fizemos uma parceria com a Compagás (Companhia Paranaense de Gás) para implantar este tipo de energia nos próximos empreendimentos a serem construídos em locais onde já exista a rede de distribuição de gás natural. Os apartamentos do Parque Iguaçu I e II  serão os primeiros a contar com o combustível, que é mais econômico e menos poluente”, explica o secretário municipal de Habitação e presidente da Cohab, Ibson Campos.

    Vantagens - O gás natural apresenta muitas vantagens em relação a outros energéticos utilizados em residências. Como o fornecimento é constante não há necessidade de reabastecimento, fato que gera maior conforto ao morador. “Quem utiliza gás de cozinha sabe o transtorno que acontece quando o gás termina e não há um botijão de reserva. Com o gás natural este problema não existe”, afirma Campos.

    Outro benefício diz respeito à ausência de estocagem, que libera maior área útil da edificação. A fonte de energia também garante mais segurança, pois em caso de vazamento, devido à menor densidade do gás natural em relação ao ar, este combustível dissipa-se rapidamente na atmosfera.  E por ser canalizado, dispensa-se o uso de caminhões que atrapalham o trânsito nas ruas.

    Os moradores atendidos vão economizar nos gastos, uma vez que não mais precisarão comprar botijões de gás de cozinha. A medição do gasto mensal do gás natural será feita de forma coletiva, com o valor rateado na cobrança do condomínio. “Este projeto vai permitir a disseminação da cultura do uso do gás natural entre as classes sociais de baixa renda e irá contribuir com o desenvolvimento urbano e social de Curitiba e do Estado do Paraná”, afirma o diretor presidente da Compagás, Luciano Pizzatto.

    Contemplados - Os contemplados para adquirir unidades nos residenciais Parque Iguaçu I e II foram definidos por sorteio realizado no final de maio, entre inscritos na fila que estavam dentro da faixa de renda e atendiam pelo menos um dos seguintes critérios: foram desabrigadas de áreas de risco ou insalubres; são chefiadas por mulheres; enfrentam situação de precariedade habitacional; têm até três dependentes menores de 18 anos ou residem em imóveis alugados.

    O empreendimento está localizado próximo à rua Eduardo Pinto da Rocha, a principal rua do Ganchinho. As famílias contarão com subsídio para aquisição das unidades e irão pagar prestações equivalentes a 10% de sua renda (R$ 93 a R$ 139,50) pelo prazo de 10 anos. Após este período o imóvel estará quitado.

    « voltar
     

    Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

    Desenvolvido por GPA'prospera