Publicado em 10/3/2012 12:05:14 PM

Para os sorteados, alegria e comemoração

Dos 610 contemplados, sete estavam no local acompanhando o sorteio

Cerca de 300 pessoas acompanharam a realização do sorteio no Salão de Atos do Parque Barigui. Elas permaneceram no local por mais de quatro horas – tempo que demorou para completar a definição dos contemplados para as 610 unidades dos Residenciais Aroeira e Imbuia.

O sorteio dos nomes foi feito por meio de um sistema informatizado criado por técnicos da Cohab. O sistema atribuiu a cada um dos 41,9 mil participantes, de forma aleatória, um número da sorte, com cinco dígitos e, depois, retirou, também aleatoriamente, um a um os números contemplados.

Os sorteados foram identificados por meio do número de inscrição na Cohab e chamados individualmente. Os presentes que foram contemplados puderam, então, comemorar.

Foi o caso de Maria Adriana dos Santos, moradora de uma área de risco na Vista Alegre, sorteada logo no início, na cota das famílias vulneráveis. Dona de casa, mãe de dois filhos e casada com um jardineiro, ela mal continha a emoção ao se apresentar aos funcionários da Cohab logo após ouvir seu nome. “É uma felicidade saber que terei em breve uma casa decente”, falou.

O servente de pedreiro Jesse de Oliveira Faria, outro sorteado presente, teve a casa onde morava interditada pela Defesa Civil e, desde então, mora com a mulher e uma filha de três anos, junto com a mãe, pagando aluguel. “Hoje é um dia muito feliz para minha família”, declarou.

Lenice Pereira da Silva também estava satisfeita com o resultado do sorteio. Ela é viúva e aposentada. Mora com família – seis pessoas no total – em um imóvel alugado no Sítio Cercado. “Quase não acreditei quando escutei o meu nome. É muita alegria”, disse.

Rosana Joaquim da Silva é outra moradora do Sítio Cercado que foi contemplada. Ela vive no Jardim Natal, uma área irregular, em uma casa cedida por parentes, aos quais paga um “aluguel simbólico” de R$ 100. Mãe de três filhas, ela contou que irá realizar um sonho ao conseguir um imóvel próprio. “É tudo que sempre quis”, disse.

A zeladora de condomínio Cleusa Santos, também sorteada, tinha motivo duplo para comemoração. Com o imóvel novo, ela poderá deixar de pagar aluguel e também casar, realizando ao mesmo tempo seus dois projetos de vida. “Tinha muita esperança de ser contemplada e deu certo”, afirmou.

David de Paula Castilho, vigilante, solteiro, mora com a mãe, pagando aluguel. Ele disse que estava torcendo muito para ser sorteado e saiu satisfeito. “É a primeira vez que ganho alguma coisa e é um presentão”, falou.

Ronildo Chane Júnior, desenhista, mora em imóvel alugado, com a mulher e um filho pequeno, também experimentou pela primeira vez a alegria pela contemplação em um sorteio. ‘É uma realização”, declarou.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera