Publicado em 11/22/2012 3:15:33 PM

Cessão de área para construção de 80 apartamentos no Parolin é aprovada na Câmara

Residencial Esperança será construído com recursos do Programa Minha Casa Minha Vida

Foi aprovado em primeiro turno pela Câmara Municipal de Curitiba, nesta quarta-feira (21), projeto de lei da Prefeitura para disponibilização de área na esquina das ruas Lamenha Lins e Professor Porthos Velozo, para promover a construção de moradias populares destinadas a famílias da Vila Parolin. Estão previstas 80 novas unidades que vão constituir o Residencial Esperança.

A aprovação da mensagem corresponde a mais uma das ações administrativas municipais para ampliar os benefícios públicos a famílias com necessidade de inclusão social. “Estas unidades farão parte do amplo projeto de urbanização que está sendo executado no Parolin, com benefícios para mais de 1,5 mil famílias”, explica o presidente da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), Ibson Campos.

É previsão do Executivo integrar estas 80 famílias ao Programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal, alienando o imóvel ao Fundo de Arrendamento Residencial por intermédio da Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil, na qualidade de agentes executores do programa.

O imóvel será alienado pelo valor de avaliação, que totaliza R$ 1.610.000,00, a ser utilizado exclusivamente no Programa Minha Casa Minha Vida. A propriedade das unidades habitacionais será transferida pelo FAR para cada um dos beneficiários, mediante alienação, segundo as regras estabelecidas no Programa Minha Casa Minha Vida.

Projeto – A urbanização da Vila Parolin está beneficiando ao todo 1.546 famílias – 830 com obras de infraestrutura e 716 com reassentamento, das quais 336 já estão vivendo nas casas novas. O projeto inclui uma escola municipal com 14 salas de aula, que está em obras, e a recuperação ambiental das margens do rio Vila Guaíra, de onde estão sendo retirados os moradores.

Para complementar o projeto, a Prefeitura implantou na região uma Unidade de Saúde, um barracão de reciclagem do projeto EcoCidadão, um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI). Outro CMEI para atender a comunidade local está em fase final de obras. O investimento global no projeto ultrapassa os R$ 52 milhões, recursos do governo federal, estadual e da Prefeitura.

Histórico -  A Vila Parolin é a mais antiga área de ocupação da cidade, surgida no início da década de 50. O começo da ocupação, de acordo com moradores antigos, se deu ao longo da antiga via férrea – um ramal da Rede Ferroviária Federal que cortava a região sul da cidade, hoje desativado. Com o tempo, a ocupação se expandiu para outros terrenos próximos e acabou se consolidando.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera