Publicado em 1/11/2013 3:05:45 PM

Representantes dos movimentos sociais são eleitos para Conselho do Fundo de Habitação

Eleitos vão cumprir mandato de dois anos

A Federação Comunitária das Associações de Moradores de Curitiba e Região Metropolitana (Femoclan) e a Associação de Moradores da Vila Autódromo foram as entidades eleitas nesta sexta-feira (11) para representar os movimentos populares no Conselho Gestor do Fundo Municipal de Habitação de Interesse Social (FMHIS). A votação ocorreu em sessão pública realizada no auditório da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab).

Estavam habilitadas e participaram da eleição 34 entidades, cada uma com direito a um voto. Para participar do processo eleitoral, as entidades tiveram que comprovar, mediante documentação, regularidade jurídica e atuação na área habitacional há pelo menos um ano.

Apenas duas entidades se candidataram às vagas e acabaram eleitas. A Femoclan apresentou como representante no processo eleitoral Nilson Pereira, enquanto a Associação de Moradores da Vila Autódromo foi representada por Neemias Portela. As duas entidades ocuparão duas das oito cadeiras do Conselho Gestor. O mandato dos conselheiros será de dois anos.

O Conselho Gestor do FMHIS foi criado pela lei municipal 12.816/2008. O organismo tem caráter deliberativo e é formado por representantes do executivo e legislativo municipais e da sociedade civil organizada. Entre outras atribuições, os seus membros definem a destinação de recursos do Fundo, acompanham e avaliam a execução de programas habitacionais.

O Conselho Gestor do FMHIS está subordinado à Secretaria Municipal de Obras Públicas. A sua composição inclui representantes da Cohab, Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Secretaria Municipal de Finanças, Câmara Municipal, movimentos populares e setor produtivo da construção civil. 

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera