Publicado em 2/21/2013 11:40:14 AM

Famílias inscritas na Cohab se preparam para vida em condomínio

Futuros moradores do Residencial Parque Iguaçu I participaram de reunião explicativa sobre regras de convivência no novo conjunto

Famílias inscritas na Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) participaram de reunião explicativa, na noite desta quarta-feira (20), sobre a instalação do condomínio do Residencial Parque Iguaçu I, localizado no bairro Ganchinho. O conjunto de 416 apartamentos está em fase final de obras e será destinado para inscritos na fila da Cohab com renda até R$ 1,6 mil, definidos por sorteio, conforme prevê normativa federal.

A instalação do condomínio é uma exigência legal para o registro do empreendimento em cartório, antes da entrega dos imóveis. Com objetivo de orientar as famílias contempladas para a vida em condomínio estão sendo realizadas reuniões explicativas, entre os dias 20 de fevereiro e 1º de março, na sede da Cohab. Estão sendo convocadas 70 famílias por reunião.

Os 416 apartamentos fazem parte de um conjunto maior com 1.411 unidades habitacionais, dividido em Parque Iguaçu I, II e III. O empreendimento todo representa investimentos de R$ 63,5 milhões, recursos do programa Minha Casa Minha Vida.

As reuniões para instalação do condomínio englobam os futuros moradores do Parque Iguaçu I e do Parque Iguaçu II, com 352 apartamentos, ambos com entrega prevista para o dia 25 de março.

De acordo com as regras do programa MCMV, nesta faixa de renda os beneficiados pagarão pelo imóvel prestações equivalentes a 5% da renda familiar, ou seja, o máximo de R$80, pelo prazo de 10 anos. Após este período, o apartamento estará quitado.

Nas reuniões, os beneficiados são preparados para o convívio coletivo. “É o momento de informar as famílias da importância da participação de todos nas questões que envolvem o condomínio, principalmente no início, quando é preciso criar o regimento interno e eleger o síndico”, explica o presidente da Cohab Ubiraci Rodrigues.

O regimento interno são as normas que vão detalhar o cotidiano do condomínio, em especial das áreas de uso comum, como parquinho, quadras esportivas, salão de festas e estacionamento. “Quem vai decidir o que pode e o que não pode são os próprios moradores, nas assembleias”, completa Rodrigues.

Dúvidas
Após a explanação dos representantes da Cohab e da Caixa Econômica, os presentes na reunião puderam sanar suas dúvidas. A zeladora Rosilene de Oliveira, 38 anos, queria saber a respeito do gás de cozinha. “Eu não entendi se precisava levar botijão, mas me explicaram que não, que o conjunto tem uma central de gás na área comum. E cada apartamento vai ter medidor individual”, disse.

Morando com o filho Gabriel de nove anos, em uma casa alugada no Xaxim, onde paga R$ 250 mensais, Rosilene está ansiosa com a proximidade da realização do sonho da casa própria. “Nem durmo direito à noite, mas é de felicidade. No fim de semana vou lá conhecer o conjunto”, conta.

O vigilante Ronaldo dos Anjos, 37, e sua esposa Daniele, 26, já foram conhecer o novo empreendimento e ambos gostaram muito do que viram. “Está lindo, estou orgulhosa em poder morar em um lugar tão bonito”, disse ela. O casal vive com a filha Sara, três anos, em uma casa alugada no Sítio Cercado.

Os R$ 500 que vão sobrar do aluguel já têm destinação certa. “Quero financiar um carro e também mobiliar a casa”, destaca ele. “Esta vai ser a maior alegria de nossas vidas, poder criar a Sara em um apartamento nosso. Vamos começar uma vida nova”, encerra.

Visita
Nos próximos dias 2 e 3, os futuros moradores dos Residencias Parque Iguaçu I e II participarão de uma vista ao empreendimento, ocasião em que cada família poderá definir os apartamentos de sua preferência. Nos dias 5 e 6 acontecem os sorteios para definir a escolha e entre os dias 20 e 22, os contemplados vão assinar os contratos.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera