Publicado em 3/15/2013 12:23:01 PM

Toma posse o novo Conselho Gestor do Fundo de Habitação

O Conselho engloba representantes do setor público, entidades de classe e movimentos populares

O novo Conselho Gestor do Fundo Municipal de Habitação de Interesse Social (FMHIS) tomou posse nesta sexta-feira (15). Os conselheiros, que representam o setor público, entidades de classe e movimentos populares, têm mandato de dois anos e entre suas atribuições está a definição sobre a destinação de recursos e o acompanhamento de obras financiadas com recursos do Fundo.

A posse aconteceu no auditório da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), que é o agente operador do FMHIS. Estiveram presentes o presidente da Cohab, Ubiraci Rodrigues e o secretário municipal de obras públicas, que é também presidente do Conselho Gestor do Fundo, Sérgio Luiz Antoniasse.

“Assumir a presidência do Conselho Gestor do Fundo é um desafio muito gratificante, que será desempenhado com total responsabilidade e transparência. O acesso à moradia digna é um resgate social, pois valoriza a autoestima do cidadão e isto reflete no cotidiano da população em geral.”, disse Antoniasse.

O presidente da Cohab destacou o caráter democrático do FMHIS e a relevância de sua atuação. “O Conselho Gestor do Fundo Municipal de Habitação de Interesse Social possui uma composição bastante democrática, formada por diferentes segmentos de nossa sociedade. Isto auxilia na diversificação dos projetos realizados. O FMHIS é um instrumento importantíssimo para o município, em especial para as comunidades beneficiadas”, afirmou.

Um dos representantes dos movimentos populares no Conselho, o presidente da Associação de Moradores da Vila Autódromo, Neemias Portela, garantiu empenho para dar continuidade aos projetos financiados pelo Fundo . “Esperamos fazer um grande trabalho pela cidade de Curitiba, para continuar a realizar melhorias nos bairros, como o projeto Comunidade em Cores na Vila Torres”, destacou.

Recursos

O orçamento do FMHIS para este ano é de R$ 3.426.000,00. A principal receita do Fundo vem da arrecadação do mecanismo do solo criado, que são pagamentos feitos pelas empresas de construção civil que, com autorização da Secretaria Municipal do Urbanismo, utilizam acréscimo de potencial construtivo em seus projetos.

Composição

A atual composição do Conselho foi definida pelo decreto 363/2013, assinado pelo prefeito Gustavo Fruet, e inclui dois representantes dos movimentos populares escolhidos em eleição direta realizada em janeiro. Os demais integrantes do Conselho, como os representantes da Câmara Municipal e do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Paraná (Sinduscon) foram indicados pelas instituições.

Fazem parte do Conselho Gestor oito membros efetivos e oito suplentes. Todos foram empossados nesta sexta-feira. São os seguintes os membros efetivos do Conselho: Sérgio Luiz Antoniasse (Secretaria Municipal de Obras Públicas - presidente), Luciana Cardon (Cohab), Sérgio Póvoa Pires (Ippuc), Valdo Aparecido da Silva (Secretaria Municipal de Finanças), vereador Pedro Paulo (Câmara Municipal), Waldemar Trota Júnior (Sinduscon - PR),  Neemias Portela (Associação de Moradores da Vila Autódromo) e Nilson Elísio Pereira (Federação Comunitária das Associações de Moradores de Curitiba e Região Metropolitana).

São membros suplentes do Conselho: Nei Celso Boff (SMOP), Andreza Cristine Juglair (SMF), Mauro César Kugler (Cohab), Luiz Fernando Gomes Braga (Ippuc), vereador Valdemir Soares (Câmara Municipal), Ubiraitá Antonio Dresch (Sinduscon - PR), Izael Aquino (Federação Comunitária das Associações de Moradores de Curitiba e Região Metropolitana) e Ivan Tavares (Associação de Moradores da Vila Autódromo).

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera