Publicado em 4/4/2014 11:06:33 AM

Sorteio define ocupação de 256 apartamentos no Santa Cândida

Residencial Imbuia vai atender famílias inscritas na Cohab com renda até R$1,6 mil

No dia em que completou 48 anos, a telefonista Valdemira Drey Bopp ganhou de presente a realização de um antigo sonho. Nesta quinta-feira (03), ela e outras 79 famílias participaram do sorteio que definiu a ocupação de apartamentos do Residencial Imbuia, empreendimento construído no Santa Cândida para atender famílias inscritas na fila da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) com renda até R$ 1,6 mil. O sorteio teve início na terça-feira (01) e continua nesta sexta-feira (04), com a participação total de 256 famílias.
 
Com dificuldade de locomoção devido a uma deficiência, Valdemira foi contemplada  com um apartamento térreo, para evitar a necessidade de subir e descer escadas. “Não poderia imaginar um presente melhor no meu aniversário. É o sonho da minha vida sendo realizado”, afirma. Atualmente ela paga R$ 500 de aluguel para morar em uma casa no Sítio Cercado, onde vive com a filha de sete anos. “Sem precisar mais pagar aluguel vou poder comprar móveis novos para o apartamento”, destaca.

O conjunto foi construído com recursos do programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal. De acordo com as normas do programa, as famílias atendidas vão pagar prestações equivalentes a 5% da renda, com um valor máximo que não pode ultrapassar R$ 80. Após o prazo de 10 anos o imóvel estará quitado. “É uma chance única para estas pessoas conseguirem acesso à casa própria. As famílias vão morar em um imóvel de boa qualidade e ao final do contrato terão pago somente R$ 9,6 mil”, ressalta o presidente da Cohab, Ubiraci Rodrigues.

Sorteio
O sorteio que definiu a ocupação dos apartamentos é realizado em duas etapas. Para tal, foi utilizado um sistema informatizado desenvolvido por técnicos da Caixa Econômica Federal. Aleatoriamente o sistema sorteia o nome do titular e o número do bloco e do apartamento a ser ocupado. Primeiro foram escolhidos os idosos e pessoas com deficiência, categorias para quem foram reservadas as unidades térreas. Em seguida são sorteadas as demais famílias.

A copeira Lucilene de Bastos Assis, 38 anos, estava emocionada pela proximidade de viver a maior mudança da sua vida. Moradora do Parolin, ela paga R$ 600 de aluguel em uma pequena casa onde vive com o marido e os dois filhos. “Se já estou desse jeito hoje, nem sei como vai ser quando receber as chaves. Não sei se vou aguentar”, brinca.

A família já tem planos para o futuro próximo. “Vamos conseguir economizar o dinheiro do aluguel e queremos realizar outra vontade antiga, que é comprar um carro. É até difícil de acreditar que logo vamos estar na nossa casa e de carro novo. Não fosse pela Cohab e nunca que a gente ia conseguir tudo isso. Estamos muito felizes”, diz.

Após o sorteio, cada família agendou individualmente a data e horário para a vistoria dos imóveis. Acompanhados de técnicos da Caixa Econômica, os futuros moradores vão vistoriar as condições dos apartamentos, para em seguida assinarem os contratos de financiamento e posteriormente receberem as chaves.
 

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera