Publicado em 3/11/2015 5:14:55 PM

Sorteio define ocupação de 66 casas no Alto Boqueirão

Moradias Nilo será o primeiro conjunto da cidade com aquecimento solar da água

Um sorteio realizado nesta quarta-feira (11) na sede da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) definiu a ocupação das 66 casas que compõe o conjunto Moradias Nilo, no Alto Boqueirão. O empreendimento, que será destinado para famílias em áreas de risco, é o primeiro da capital em que as casas são equipadas com placas que aproveitam a radiação do sol para aquecer a água do chuveiro.

Os beneficiados são moradores da Vila Nova, uma área irregular situada nas proximidades do novo conjunto. O sorteio determinou quais unidades serão ocupadas por cada uma das famílias. Após esta definição, os moradores participarão da vistoria dos imóveis para em seguida assinarem os contratos e receberem as chaves. O evento de entrega das casas está marcado para 23 de março.

O Moradias Nilo foi construído com investimento de R$ 4 milhões, recursos do programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal. A instalação do equipamento de aquecimento solar representa menos de 5% do custo de cada unidade e reduz em até 50% o consumo residencial de energia elétrica.

“Podemos considerar um investimento baixo em virtude dos benefícios futuros, tanto para as famílias que economizam nas suas contas de luz, como também para o meio ambiente, pois trata-se de uma fonte de energia limpa e renovável, que não traz danos à natureza”, afirma o diretor técnico da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), João Carlos Vianna.

O equipamento consiste em uma placa de vidro instalada no telhado da residência e conectada a um reservatório térmico de inox, que por sua vez também se liga à caixa d'água. No interior da placa de vidro existe uma serpentina de condutores de energia feitos de cobre e alumínio. A função da placa é captar a radiação solar e aquecer a água que passa pela serpentina.

O reservatório acondiciona e mantém a água aquecida, com possibilidade de utilização eficaz mesmo depois que o sol já se pôs. Para dias nublados, o equipamento conta com um sistema auxiliar que utiliza energia elétrica para garantir a água quente mesmo em dias em que o sol não aparece.
 
Sistema construtivo
A implantação do sistema de aquecimento solar não é o único aspecto pioneiro do Moradias Nilo. O empreendimento está sendo construído por um novo método construtivo chamado wood frame (moldura de madeira), no qual a casa é erguida sem o uso de tijolos.

A única semelhança com o modelo convencional é a fundação radier (laje de concreto armado) onde são instaladas as paredes -  formadas por painéis que já vem prontos de fábrica. Além de madeira, os painéis contém malha de garrafa pet, que garante isolamento térmico e acústico e também levam uma manta asfáltica para evitar infiltrações. As tubulações hidráulica e elétrica já vem embutidas no interior das peças.

O método de construção permite que uma casa, sem a cobertura, seja erguida em menos de três horas. Contando a execução do telhado e dos acabamentos, em uma semana a moradia está pronta para ser habitada. O novo sistema contribui com o conceito de sustentabilidade, pois causa menor impacto ambiental ao gerar menos resíduos.

Expectativa
A doceira Adriana Calaça, 23 anos, está contando os dias para receber as chaves de sua nova casa. Moradora da Vila Nova desde a infância, ela sonha em possibilitar para os três filhos condições melhores do que as vividas por ela. “As casas ficaram lindas, nossa vida vai melhorar em tudo. É um sonho ter um lugar mais limpo para minhas crianças, longe dos ratos e o mau cheiro da valeta”, diz.
 

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera