Publicado em 5/13/2015 10:21:08 AM

Conjunto habitacional recebe sinalização de trânsito

Residencial Parque Iguaçu, no Ganchinho, abriga mais de 5 mil pessoas atendidas pela Cohab

Na semana em que a Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) completa 50 anos de fundação, os moradores de um grande empreendimento do programa habitacional do Município ganharam mais segurança com a implantação da sinalização de trânsito. O residencial Parque Iguaçu, no Ganchinho, abriga mais de 5 mil pessoas que deixaram de pagar aluguel ou foram retiradas de áreas de risco social.

 

“O Parque Iguaçu é um símbolo da implantação do programa Minha Casa Minha Vida em Curitiba. Com 1.411 unidades conseguimos atender inscritos na fila da Cohab e famílias que viviam em beiras de rio. A instalação das placas de trânsito dá sequencia às melhorias feitas pela prefeitura para a população local”, diz o presidente da Cohab, Ubiraci Rodrigues.

 

O residencial é dividido em Parque Iguaçu I e II, com 768 apartamentos e Parque Iguaçu III, com 643 casas e sobrados. A instalação das placas e pintura da sinalização ocorreu nas oito quadras do Parque Iguaçu III.

 

A medida, coordenada pela Secretaria Municipal de Trânsito (Setran), iniciou na noite de terça-feira (05) com a pintura da sinalização horizontal. Na manhã desta quarta-feira (06) foi a vez da sinalização vertical, com a instalação de placas indicativas de vias preferenciais, limites de velocidade e outras.

 

Lombadas

Durante a operação, a moradora Rita Cássia Ferreira destacou a necessidade da implantação de lombadas no conjunto. “Tem ruas aqui dentro em que o pessoal corre de carro, principalmente à noite. Algumas lombadas podem evitar a ocorrência de acidentes ou atropelamentos”, disse.

 

A reivindicação foi levada para o coordenador de sinalização urbana da Setran, Donizete Aparecido da Silva. “Basta a comunidade se organizar e encaminhar um ofício para a Administração Regional do Bairro Novo para que a regional acione a Setran. Faremos um estudo e onde for constatada a necessidade serão instaladas as lombadas”, diz.

 

A dona de casa Alessandra do Amaral aprovou as medidas de sinalização. “Vai ser ótimo porque a gente fica mais protegido com as ruas sinalizadas. Quando colocarem lombadas vai ficar ainda mais seguro”, afirma. Sobre a vida que está levando no conjunto, ela está satisfeita. “Gosto daqui, é uma vida melhor do que antes. Eu sofria para pagar o aluguel, agora com a prestação pequena até sobra dinheiro para outros gastos”, ressalta.

 

Projeto Premiado

O Residencial Parque Iguaçu está inserido em um projeto premiado nacionalmente, no ano passado. Denominado Novo Ganchinho, recebeu o prêmio Selo de Mérito concedido pela Associação Brasileira de Cohabs (ABC) e pelo Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano (FNSHDU). A premiação visa destacar experiências habitacionais bem sucedidas no âmbito do poder público.

 

As 2.796 unidades que o programa habitacional implantou no bairro Ganchinho foram destinadas a famílias com rendas diferenciadas, de acordo com os critérios do programa Minha Casa, Minha Vida: faixa 1 (rendimentos de até R$ 1.600 mensais) e faixa 2 (renda entre R$ 1.601 e R$ 3.275 mensais).

 

O investimento na construção das 2,7 mil unidades somou R$ 138 milhões, repassados por meio da Caixa Econômica Federal, que contratou e administrou as obras. A Prefeitura concedeu incentivos fiscais e construtivos para a realização dos projetos e executou a complementação da infraestrutura local, com obras como a pavimentação de ruas.

 

A Cohab participou do processo fazendo a interlocução entre os proprietários das áreas, as construtoras, a Caixa Econômica Federal e as secretarias municipais para viabilizar o projeto. Também atuou na identificação da demanda nas duas faixas de renda, cadastrou as famílias e providenciou a inserção dos beneficiários de renda mais baixa no CADÚnico do governo federal.

 

Depois, deu apoio à comercialização das unidades e contratação do financiamento pelas famílias. Na fase de obras, foi responsável pelos preparativos para a mudança e efetuou o reassentamento dos moradores de áreas de risco.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera